A chegada dos gansos e outros voos

by

Os passeios fotográficos que organizamos tiveram início em 2004, coincidindo com a chegada do outono. Após 40 edições, em distintas regiões de Portugal e Espanha, e ao longo das diferentes estações do ano, o outono volta a ser a época escolhida para lançar um novo destino.

No outono, chegam milhares de gansos-bravos às planícies de Villafafila. Este foi fotografado em El Bierzo.

Villafáfila é uma localidade espanhola no centro de uma vasta planície cerealífera que ocupa boa parte da província de Zamora, em Castela-Leão. Esta zona, também conhecida por Tierra del Pan, constitui o habitat de eleição para uma das maiores populações mundiais de abetarda – uma ave estepária cujo peso é recordista entre as aves voadoras.
Mas esta não é a única particularidade alada da região. Com a chegada do frio às latitudes mais setentrionais da Europa, milhares de aves iniciam um voo migratório para os seus locais de invernada a sul, entre os quais se encontra Villafáfila.

Pombais tradicionais em adobe erguem-se como pagodes na planície.

É aqui, a partir do início de Novembro, que podemos encontrar mais de 25.000 gansos-bravos, em voos matinais para os campos de cereal ou em repouso crepuscular nas diversas lagunas da planície – um espetáculo mais associado ao Canadá do que à Península Ibérica e, seguramente, desconhecido da maior parte dos portugueses.

Mas nem só de aves vive este novo passeio fotográfico. A arquitetura tradicional tem nesta província espanhola vários exemplares de relevo – de invulgares pombais em adobe a medievais igrejas românicas – que merecem um olhar atento e uma captação fotográfica cuidada. E para quebrar a extensão fria e plana desta improvável estepe ibérica, nada melhor que uma incursão nos tons quentes da cidade de Zamora, erguida em cascata na margem direita do Douro.

Em Zamora brilham dezenas de igrejas românicas.

Entretanto, e porque muitos fotógrafos ainda não tiveram oportunidade de experimentar os destinos habituais – ou simplesmente porque não há duas visitas iguais, ainda que para o mesmo destino – vamos também realizar novas edições dos passeios fotográficos outonais El Bierzo, Douro Vinhateiro e Barroso.

Ao longo destes sete anos, mais de 500 participantes tiveram oportunidade de partilhar experiências e abordagens fotográficas nos mesmos locais que eu escolhi criteriosamente como tema de reportagem. Grupos pequenos mas heterogéneos, alimentação e alojamento cuidados, todo o tipo de condições meteorológicas, são os ingredientes habituais destas pequenas grandes aventuras fotográficas.

Uma boa forma de nos sentirmos vivos.

Las Medulas, el Bierzo: um cenário de sonho para qualquer fotógrafo.

No Barroso, bruxedos, alminhas e meteorologia inclemente criam um cenário do outro mundo.

Douro vinhateiro: o almoço deste passeio é na casa que se vê ao fundo. Wine is bottled poetry!

Anúncios

2 Respostas to “A chegada dos gansos e outros voos”

  1. João Peixe Says:

    Lindas imagens. Exposição e composição no ponto.
    A de Zamora está fantástica. Muito bem pensada!!!
    Espero um dia poder embarcar numa viagem com o António…até lá boas fotos e continue a partilhar as magníficas imagens!

  2. Maria Da Conceição Araujo Says:

    Como gostaria de poder ver essa maravilha de bandos de gansos a voar, com o barulho ensurdecedor que fazem. Quem sabe!!!!!!!
    Conceicao

Os comentários estão fechados.


%d bloggers like this: